18 outubro, 2018

traduzido pelo mr. Manuel Resende


145 poemas,
Konstantinos Kaváfis, Flop

chegou há bocadinho


Instituto de antropologia,
Jorge Reis-Sá, Glaciar

da sub-secção poetas que andam a mangar com a Remax


Primeiro direito,
Vasco Gato, Artefacto

aquilo não é só duendes? - não, pá, também tem poesia.


Estradas secundárias - Doze poetas irlandeses,
AAVV, Artefacto

PULPI*


Poesia completa,
João Cabral de Melo Neto, Glaciar



* Plano Universal de Leitura da Poesia Incompleta

apareceram esgotados


Última ciência,
Herberto Helder, Assírio & Alvim


País possível,
Ruy Belo, Assírio & Alvim

está no M


Poesia reunida,
Maria do Rosário Pedreira, Quetzal

também do camandro


Os nomes da obra - Herberto Helder ou o Poema Contínuo,
Rosa Maria Martelo, Documenta

ó dona Rosa, venha cá abaixo e traga o António


O cinema da poesia,
Rosa Maria Martelo, Documenta

ainda ontem cá esteve acompanhado por Dona Maria Cândida


Este outono sobre os móveis doirados,
Carlos Mota de Oliveira, Edição do autor

mas é uma pérola, doutor?, perguntou doutor Claro ao doutor Caeiro


Raspar o fundo da gaveta e enfunar uma gávea,
António Barahona, Averno

17 outubro, 2018

por esta é que a dona Evita não esperava


A formiga argentina
João Almeida, Averno

da Coreia à Lapa é um pulinho


Mar de karma
Moon Chung-Hee, Huerga & Fierro

uma categoria


Tentativa e erro - Poemas escolhidos e inéditos,
José Alberto Oliveira, Assírio & Alvim

poemas sobre aquela música do demónio


Jazz poems,
AAVV, Everyman´s Library

mais de mil páginas sem neve


Poesía nórdica
AAVV, Ediciones de la Torre

não ofereças, compra para ti


Escritos em forma de grafonola
Erik Satie, Maldoror

a propósito de senhores


Aforismos,
Karl Kraus, VS

traduzido pelo luminoso e sapientíssimo Alberto Pimenta


A balada do velho marinheiro,
S.T. Coleridge, Edições do Saguão

cenas do camandro


O cântico dos cânticos
Ernest Renan, Sistema Solar

a editora que cria poetas ricos


O livro português dos mortos
Marco Galrito, Douda Correria

também cá está


Uma vez que tudo se perdeu,
Pedro Mexia, Tinta da China

16 outubro, 2018

está no R


Europa,
Rui Cóias, Tinta da China

ó professora quando está em inglês e português é bilingue?


Poemas escolhidos,
T.S. Eliot, Relógio d´Água

as miúdas de caracóis adoram-no


Do Natural - Um Poema Elementar,
W.G. Sebald, Quetzal

isto é que é tabaco


Eu, o povo,
Mutimati Barnabé João, BI

havia o Cristovam Pavia*


Poesia,
Cristovam Pavia, Dom Quixote



* É um verso de Ruy Belo

alguns, Pedro, alguns


Nós portugueses somos castos,
Pedro Homem de Mello, Ática

a propósito de senhores


Poesia,
Mário-Henrique Lisboa, E-Primatur

está no L


Su nombre era el de todas las mujeres y otros poemas de amor y desamor,
Luis Alberto de Cuenca, Renacimiento

não ofereças, compra para ti


Poesia Alheia,
Organização e tradução de Nelson Ascher, AAVV, Imago

15 outubro, 2018

também facturava com os poemas


Os Olhos da Víbora,
Bernardo Santareno, Ática

poemas mesmo alegres


Eu e outras poesias,
Augusto dos Anjos, Lacerda Editores

nível FIFA


Obra completa,
José de Almada Negreiros, Nova Aguilar

está no M


Diarios de la Revolución de 1917,
Marina Tsvietáieva, Acantilado

também não lhe faltam bonecos


Afluentes de adobe
 Diniz Conefrey, Maria João Worm, Alexandre Sarrazola, Quarto de Jade

é bom e ao mesmo tempo não é mau


Viagem de Inverno, 
Hélder Macedo, Editorial Presença

com bonecada da doutora Maria João Worm


Tanganhos,
Mariana Pinto dos Santos, Edições do Saguão

apareceu esgotado


Balança,
Álvaro Lapa, Frenesi

do camandro


Mapas, o Assombro a Sombra
Manuel Gusmão, Caminho 






 #poesia #poetry #poesie #livros #books #livres

a PI não é menos do que o CM



não lhe bastava traduzir bem


Mulher ao mar,
Margarida Vale de Gato, Mariposa Azual

entre Hannover e Benfica balança o coração do editor com a melhor gargalhada da europa


URSONATA,
Kurt Schwitters, Cronópio


Axiomática namoradeira,
Tó Carlos, Cronópio


#poesia #poetry #poesie #livros #books #livres
#SLBvsHannoverscherSportverein von 1896=17-1